Cobra-coral é encontrada em escola de SC, mas alunos e funcionários não se machucam durante o resgate pela equipe dos bombeiros.

Na manhã desta segunda-feira (24), os alunos e funcionários da Escola Municipal Erwin Prade, localizada no bairro Pomeranos, na cidade de Timbó, no Vale do Itajaí, em Santa Catarina, se depararam com uma situação inusitada. Uma cobra-coral verdadeira, uma das mais venenosas do país, foi encontrada no pátio da instituição de ensino.

Apesar do susto inicial, felizmente ninguém ficou ferido. Imediatamente após o animal ser avistado, o Corpo de Bombeiros foi acionado e fez o resgate da cobra. Mesmo sendo uma espécie peçonhenta, não houve risco para os alunos e funcionários da escola.

A cobra-coral tinha aproximadamente 50 centímetros de comprimento e foi avistada por volta das 7h10 da manhã. Após ser resgatada, a serpente foi solta em uma área de mata próxima, garantindo sua preservação e evitando possíveis novos encontros inesperados.

O episódio serviu de alerta para a importância de manter a vigilância em locais onde animais silvestres podem ser encontrados, principalmente em regiões próximas a áreas verdes. A ação rápida e eficiente do Corpo de Bombeiros foi fundamental para garantir a segurança de todos os envolvidos e evitar possíveis incidentes.

Por fim, a presença da cobra-coral na escola de Timbó serve como um lembrete sobre a convivência com a fauna local e a importância de manter a harmonia entre o ambiente urbano e o habitat natural dos animais. Ainda bem que tudo terminou bem e sem maiores consequências para a comunidade escolar.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo